Dezembro Vermelho: mês de prevenção da Aids

Com toda certeza você já ouviu falar no Outubro Rosa, Novembro Azul e demais campanhas realizadas no decorrer do ano para conscientização e prevenção de diversas doenças que acometem a população. No entanto, o último mês do ano também é dedicado para uma ação muito importante: o Dezembro Vermelho. 

Você sabe do que se trata? Se ainda não, chegou a hora de conhecer em detalhes o mês de conscientização e combate à Aids. Continue lendo este texto e confira! 

O que é o Dezembro Vermelho?

Bem como citado acima, o Dezembro Vermelho é o mês de conscientização e prevenção à AIDS. A doença atinge muitas pessoas no Brasil e no mundo. Por isso, o principal intuito da campanha é informar sobre sintomas, perigos e formas de contágio e prevenção, além, é claro, de combater o olhar preconceituoso sobre os portadores da doença.  

Para ter uma ideia, a campanha existe desde 1991, em que a fitinha vermelha surgiu com diversos artistas de Nova York, para lembrar a luta contra a AIDS e transmitir compreensão, solidariedade e apoio aos portadores do vírus HIV. No Brasil, o projeto foi adotado em 1988, pelo Ministério da Saúde.

Por que o laço vermelho é o símbolo da campanha?

O principal motivo da escolha da cor vermelha foi em relação ao sangue e à paixão. Já o laço foi inspirado no laço amarelo, que honrava os soldados norte-americanos que foram à Guerra do Golfo.

Dia mundial contra a AIDS: 1° de dezembro!

O dia 1º de dezembro foi escolhido como o Dia Mundial da Luta Contra AIDS, pois tem como objetivo estabelecer a comunicação, promover a troca de informações e experiências, e de criar um espírito de tolerância social em relação ao tema. 

A data serve como ocasião para se falar sobre a infecção por HIV e da AIDS, de se preocupar com as pessoas infectadas pelo HIV e das doenças da AIDS e de saber mais detalhes sobre esta doença. Este dia internacional de ação coordenada contra a AIDS é constituído um evento anual na maior parte dos países.

Dados sobre a doença no Brasil e no mundo

De acordo com recente pesquisa da UNAIDS (Joint United Nations Program on HIV/AIDS), programa das Nações Unidas para ajudar no combate à AIDS, o número de pessoas em tratamento triplicou desde 2010. Em 2020, 27,4 milhões dos 37,6 milhões de pessoas vivendo com o HIV estavam em tratamento, contra 7,8 milhões em relação a 2010. Estima-se que a implementação de um tratamento acessível e de qualidade tenha evitado 16,2 milhões de mortes relacionadas à AIDS desde 2001.

Já as mortes relacionadas à AIDS diminuíram 43% desde 2010, chegando a 690 mil em 2020. Também foram registrados progressos na redução de novas infecções por HIV, cerca de 30% desde 2010, com 1,5 milhões de pessoas recentemente infectadas pelo HIV em 2020, em comparação com 2,1 milhões em 2010.

Como é transmitida a AIDS?

O vírus pode ser transmitido através de relações sexuais sem proteção, compartilhamento de seringas contaminadas e de mãe para filho (durante a gestação ou amamentação).

Como prevenir a doença?

Utilizar seringas e agulhas descartáveis, sempre fazer o uso do preservativo durante as relações sexuais, mães contaminadas pelo vírus devem usar antirretrovirais (medicamento para impedir a multiplicação do vírus no organismo) durante a gestação.

A Reunidas apoia o Dezembro Vermelho! E lembre-se: participe e colabore com a conscientização e combate à AIDS. Vamos juntos nessa causa. 

NOTÍCIAS RECENTES